Você está aqui
Home > NBA > Regras NBA

Regras NBA

Imagem relacionada

 

A NBA é a Liga Norte Americana de Basquete Profissional e tem suas regras próprias. No resto do mundo, os jogos são realizados com as regras da Federação Internacional de Basquete. Cada vez que a seleção dos Estados Unidos vai competir em Campeonatos Mundiais ou em Olimpíadas, é necessário jogar de acordo com as regras da Federação Internacional, mais conhecida pela sigla FIBA.

 

Focaremos apenas nas regras NBA:

  • Equipes: Cada equipe possui 5 jogadores em quadra com mais 7 reservas, que podem entrar e sair do jogo sem limitação. Essa substituição  pode ocorrer durante qualquer momento do jogo, até nos momentos de lances livres.
  • Tempo de jogo: O jogo tem a duração de 48 minutos divididos em 4 períodos de 12 minutos cada. Entre o segundo e terceiro período há um intervalo com duração de 15 minutos, e intervalos rápidos de 2:10 minutos entre o primeiro e segundo período e entre o terceiro e quarto período. A duração do jogo é contada com a bola em jogo, ou seja, quando a bola sair para fora do campo ou quando o árbitro interromper o jogo por algum motivo (falta, lançamentos, tempo técnico) o cronômetro para. O jogo termina sempre com um ganhador, o que tiver mais pontos. Caso no tempo regulamentar o jogo termine empatado, há a prorrogação com duração de 5 minutos cada.
  • Tempo de posse de bola: Cada time deve ficar, no máximo, 24 segundos com a posse de bola antes de arremessá-la à cesta e 10 segundos para arremessar um lance livre.
  • Pedidos de tempo: São 6 pedidos de tempo no jogo, além de 1 tempo de 20 segundos por período. A duração do pedido de tempo é de 1:40 minutos. Já na prorrogação é permitido mais 3 pedidos de tempo.
  • Acúmulo de Faltas: Caso jogador cometer 5 faltas, ele é substituído e não pode mais voltar ao jogo. O time tem 30 segundos para fazer essa substituição. Ao cometer a quarta falta coletiva (falta de equipe), a equipe adversária tem o direito de lance livre toda vez que sofrer qualquer falta.
  • Bola ao ar: O jogo começa com o lançamento da bola ao ar pelo árbitro, no círculo central, em que dois jogadores adversários tentam tocá-la para ganhar a posse da bola. O time que perder a disputa inicial começa com a bola no segundo e último quartos, com o time vencedor a começar com a posse no terceiro.
  • Defesa em zona: Um jogador não pode ficar mais de 3 segundos no garrafão se não estiver defendendo de forma ativa o adversário.
  • Lances livres: Cada time tem direito a dois lances livres a partir da quinta falta coletiva de uma equipe. E também nos dois minutos finais de cada quarto (caso não se tenha chegado a cinco faltas). Todos os jogadores ocupam seus respectivos lugares não podendo deixá-lo até que a bola saia da mão do arremessador. Esses jogadores também não podem tocar na bola até que ela toque o aro.
  • Interferência: Ninguém pode bloquear uma bola na descendente em seu caminho para a cesta. Se a bola tocar o aro e não cair diretamente, qualquer jogador pode tocar nela.
  • Tipos de Faltas: 
    • Falta pessoal: envolve contato com o outro jogador, e é dada nas seguintes formas: obstrução, carregar a bola, deter, empurrar, segurar, puxar, uso ilegal das mãos, marcar pela retaguarda.
    • Falta antidesportiva: é uma falta pessoal, porém no entendimento do árbitro, foi intencional, com objetivo de prejudicar o jogador ou a equipe.
    • Falta técnica: Não envolve contato pessoal, e é dada nas seguintes formas: contestar a decisão do árbitro, gesticulando ou utilizando vocabulário ofensivo. (O jogo inicia-se novamente de onde parou).
  • Penalidades:
    • Se um jogador sofrer uma falta ao tentar fazer uma cesta e conseguir, ele tem direito a mais um ponto em forma de lançamento livre. Se ele sofrer uma falta e ainda errar a cesta, tem direito a 2 ou 3 lances livres (que depende do local onde a falta foi cometida).
    • Se um jogador cometer uma falta em outro que não esteja participando de alguma jogada, a falta é cobrada na forma de reposição de bola pela lateral do campo. Se neste mesmo caso a equipe já tenha cometido mais que 4 faltas coletivas, a falta é cobrada como 2 lances livres.
    • Quando há a marcação de uma falta, o jogo inicia-se com um lançamento partindo das linhas laterais; e quando há marcação de ponto, inicia-se com um passe partindo atrás da linha do campo defensivo.
    • O jogador não pode executar mais de 3 passos com a bola na mão, a não ser que ele esteja driblando um adversário.
    • Não é permitido andar com a bola ou driblá-la com as duas mãos.
    • Contato da bola com os pés ou pernas também não é permitido.
    • Não é permitido sair dos limites da quadra e também o jogador não pode levar a bola para o campo de ataque e retornar com a bola para o campo de defesa.
    • O jogador não pode saltar e retornar ao chão com a posse de bola sem executar um lançamento ou passe.
    • Um jogador marcado não pode continuar com a posse de bola sem driblar por mais de 5 segundos.
    • Não é permitido que a equipe com a posse de bola ultrapasse 8 segundos para fazer com que a mesma saia de seu campo de defesa e chegue ao campo de ataque adversário.
  • Bola presa: A bola é considerada presa quando há dois jogadores (um de cada equipe), ou até mais, segurando-a. A posse de bola sai da decisão do árbitro ao analisar o caso.
  • Pontuação:
    • 1 ponto: Lance livre.
    • 2 pontos: Quando a bola é arremessada dentro da linha dos 3.
    • 3 pontos: Quando o jogador arremessar a bola além da linha de 3 pontos.
  • Árbitros: São três que têm como função observar o cumprimento das regras do jogo, um marcador e o auxiliar que preenchem o boletim do jogo (registram as faltas, pontos marcados), um “cronometrista” que é responsável por verificar o tempo de jogos e os descontos de tempo durante o jogo e um operador que controla o tempo de 24 segundos que cada equipe tem para executar uma jogada.

 

Resultado de imagem para nba dimensions court

 

Fonte: Wikipédia, NBA, Torcedores.com, Inside the play  Foto: Divulgação , NBA

Deixe uma resposta

Top